Captura-de-Tela-2015-03-21-às-15.42.26A terça feira começou bem agitada para o UFC. Isso porque José Aldo se lesionou em um treino de sparring e está perto de comunicar o seu afastamento da edição 189 do Ultimate Fight Championship que acontece no dia 11 de julho, no qual defenderia o cinturão do penas contra o irlandês Conor Mcgregor. O lutador passou por dois exames em um hospital do Rio de Janeiro e foi constatado uma lesão na costela. Caso esta contusão seja séria, não há nada o que a organização possa fazer, a não ser cancelar a luta principal e rapidamente achar uma solução para tentar “cobrir” uma das lutas mais importantes do UFC em 2015.

Segundo o combate.com, a lesão ocorreu após Alcides Nunes, um dos seus companheiros de treino, aplicar um chute rodado. No meio da execução, Nunes escorregou e acertou a costela de Aldo. O campeão chegou a chorar de dor e abandonou os treinos imediatamente para ir a um hospital.

O UFC 189 estava sendo considerado até então o principal evento do ano, fazendo  a organização bater o recorde de investimento em produção e marketing.

O último evento que gerou maior expectativa do ultimate foi a segunda luta entre Anderson Silva e Chael Sonnen no UFC 148 em 7 de julho de 2012, onde o brasileiro venceu por nocaute técnico  no segundo round.

 

 

 

superesportes.com.br

Fonte: SuperEsportes.com.br

É um mistério o que aconteceu na edição 187 do UFC no MGM Cassino Hotel em Las Vegas!

De um lado tinha o leão brasileiro, Vitor” The Phenom” Belfort. Um lutador que nos últimos 11 meses mostrou muito foco e confiança em si próprio. Do outro, Chris “The All American” Weidman. Um guerreiro misterioso que aos poucos foi mostrando que tem coração de lutador e frieza para enfrentar o favoritismo ou a zebra!

Ding Ding, a luta começou. Weidman deu alguns socos e chutes altos, mas foi Belfort que tomou a iniciativa e foi pra cima com socos, levando o campeão para a grade. Na primeira investida do brasileiro, Weidman não ficou parado. Ele se movimentou para o lado a procura de espaço para recuar, tornando os golpes de Belfort sem precisão e explosão, investida pós investida. Ok, o combo de boxe de Vitor  fez um belo estrago no rosto do “All American” mas isso não deixou o americano nem perto de se entregar na luta. Pelo contrario; Agora era vez de Weidman fazer algo para equilibrar o round. Assim a finta veio através de um jab e logo o americano deu o bote nas pernas e levou o leão brasileiro para baixo. As costas de Belfort bateu no chão e a tortura começou. Vitor, por baixo, não fechou a meia guarda e logo se viu embaixo da montada do americano. O brasileiro até tentou se mexer, deu as costas mas logo desistiu e voltou para debaixo da montada de Weidman. Após a frustrada tentativa de Belfort, o ground & pound começou e as mãos do torcedor brasileiro foram para a cabeça. Parecia que até o juíz Herb Dean não estava acreditando no que via. Ele demorou para acabar o combate porque havia-se esperança em uma reação de  Vitor Belfort. “Se mexe, porra….faz alguma coisa VITOR“… mas nada. Ele se defendeu, tentou acertar alguns socos por baixo mas logo desistiu e passou apenas a se defender até a interrupção do juiz.

Weidman passa pelo terceiro brasileiro e quarta defesa de cinturão. Parece que cada vez mais o americano está tomando forças para fincar o seu nome de uma vez por todas na divisão.

O campeão mundial de Jiu Jitsu e campeão do Strike Force, Ronaldo Jacaré, será mais um brasileiro que irá ficar de frente para o americano. Será que Weidman irá atropelar mais um brasileiro?

Bom, uma coisa é certa. Anderson SilvaLyoto Machida e Vitor Belfort já podem estrelar na série: “Todo mundo odeia o Chris“!

lancenet

Fonte: LanceNet

superesportes.com.br1

Fonte: SuperEsportes.com.br

 

 

ufc-187

Nota do autor: Sábado o UFC irá viver o card mais polêmico e, consequentemente, um dos mais importantes (senão o mais) de 2015. Isso porque a edição 187 irá dar o desfecho de muitos debates e discussões que perseguiram este evento. Temos muitas perguntas sem respostas. Como Vitor Belfort irá se sair após o corte de seu tratamento de reposição hormonal? O Weidman fará o que para brecar o ímpeto de Vitor? Quem será o novo campeão da categoria dos Meio-Pesados? Sábado a noite teremos todas as respostas. Até lá, tome muito maracujá.

—————————————————————————————————————————————–

Para você sentir a importância deste card, abaixo vão 8 motivos para  não perder o UFC 187 por nada:

1) O UFC 187 definirá o novo campeão dos Meio-Pesados, em meio a uma polêmica que envolveu o, agora ex campeão, Jon Jones.

***[“Fique por dentro”: Jon Jones, era campeão dos pesos Meio-Pesados e se envolveu em muitas polêmicas jon-jones.opxr-44953-mid1desde o ano passado. Foi em agosto, quando  Jones brigou com seu rival (na época era Daniel Cormier)  no Lobby do MGM Hotel e Cassino, em Las Vegas.  A chibatada custou  $50 mil dólares de multa, mais 40 horas de serviços comunitários no lombo de campeão. Já Cormier pagou a metade da pena pois a bolsa do campeão era mais valiosa que a dele. O segundo deslise foi quando detectou-se cocaína nas veias de Jon Jones. Isso foi revelado através de um teste feito  no dia 4 de dezembro do ano passado.  Coisa tranquila para um campeão, né?!   :/ .  Ele não foi penalizado pois o UFC considerou a droga como fins recreativos, consumida fora do esporte. Para completar a lambança,  Jon ‘Bones’ Jones colidiu o seu carro com o de uma senhora grávida. VUPT!!! Ele sumiu do local do nada e não prestou socorro para a gestante, que quebrou o braço e quase desmaiou. Não feliz, o fanfarrão voltou para pegar a grana que tinha esquecido e o cachimbo de maconha que, na adrenalina, tinha ficado em cima do banco do passageiro. Um policial a paisana o reconheceu e a partir dali, a fila de dominó começou a ser derrubada. O patrão, Dana White, resolveu puni-lo radicalmente, tirando-o o cinturão para disponibilizar o título entre o desafiante atual (Anthony Johnson)  e o último desafiante ao título dos Meio-Pesados (Daniel Cormier). Sábado saberemos quem sentará no trono de uma das categorias mais disputadas do Ultimate].

2) A luta será  na cidade-matriz da Zuffa, Las Vegas. Ou seja, no território do UFC. Muitas celebridades e apostadores estarão presentes, o que faz a organização investir mais em mídias e ações promocionais;

maxresdefault***[“Fique por dentro” – Zuffa é a empresa que detém os direitos do Ultimate Fight Championship (UFC) desde 2001. Foi através dela que os irmãos Fertitta usaram suas influências na cidade que é considerada a Meca do esporte no mundo. Desta forma os dirigentes conseguiram incluir facilmente o evento dentro de cassinos de Las Vegas. A expectativa é que a arena esteja lotada e que seja um dos maiores cards do ano].

3) Vitor  ‘The Phenom’ Belfort teve seu tratamento de reposição hormonal vetado pela Comissão Atlética de Nevada. Após a proibição do tratamento, muitos lutadores apostaram no fim da carreira do brasileiro. Porém Vitor mostrou foco e determinação durante o seu período de treinamento e até postou várias fotos e vídeos em sua conta do Instagram, mostrando que o seu preparo físico está em ordem. Será?;

960_8fd916a0-d585-3c0e-a610-b5f3e6590fd2

Foto: UOL/ESPN

***[Fique por dentro: Vitor Belfort vinha usando a Terapia de Reposição Hormonal (TRT) por indicação e  acompanhamento médico.  Com o uso desse estimulante junto aos treinos, os atletas que praticam a reposição hormonal demonstram vigor físico acima do normal para  a idade. Ou seja, é como Vitor Belfort possuir a disposição de um moleque de 20 anos, porém com a experiência de seus 38 anos. Ate ágora, apenas alguns estados americanos proibiam a substância, mas com uma decisão da Comissão Atlética de Nevada de banir o produto desde fevereiro de 2014, todo o país está sujeito à proibição. Vamos fazer uma comparação:

A foto da esquerda mostra o corpo de Belfort em 2013 quando lutou contra  Bisping, Rockhold e Henderson e ganhou de forma avassaladora. Já a foto da direita foi tirada nesta semana para a divulgação da luta de sábado. Perceba que a definição corporal de Belfort é menos acentuada após o banimento do uso do TRT.

Este final de semana acompanharemos o desfecho da história. Será que o corte da terapia irá prejudicar a performance de Belfort ou o seu rendimento do Fenômeno será o mesmo?]

unnamed (6)

4) Nos 2 duelos mais importantes da noite, 3 lutadores são americanos. Anthony Johnson enfrentará Daniel Cormier, ambos dos USA, e Chris ‘All American’ Weidman que defenderá o cinturão do Peso Médio contra Vitor Belfort.

5) Não ser americano não significa que Vitor Belfort está em desvantagem em questão que envolve torcida e apostas a seu favor;

***[Fique por dentro – O contato do brasileiro com o povo americano é grande, já que sua vida é estabelecida por lá, além de sua aparição na tv americana é constante. A previsão é que a torcida no MGM Las Vegas Hotel seja dividida, já que também teremos um grande número de brasileiros na arena. Será uma batalha dentro e fora do octógono].

6) Na luta que antecede o co-main event, o também americano Donald Cerrone está a poucos passos de disputar o cinturão dos leves. A expectativa é que ele se saia bem contra o canadense John Makdessi, que vem de uma fácil vitória. Na verdade Makdessi caiu de paraquedas na luta. Este duelo era para ser entre Cerrone e o russo Kabib Nurmagomedov que valia, até então, a vaga de desafiante ao título de Rafael dos Anjos no Peso Leve. Dependendo do resultado deste combate, a categoria dos Leves irá ter um novo desafiante para o brasileiro;

7) Vitor Belfort pode ser o primeiro lutador a conquistar o cinturão em 3 categorias diferentes do UFC. São elas: Peso Pesado, Peso Meio-Pesado e, caso vença Weidman, Peso Médio.

8) Chris Weidman ainda não fincou 100% seu nome do UFC. Muitos críticos e fãs ainda duvidam da capacidade do lutador. Caso ele vença Belfort, Weidman pode mandar o famoso “#chupa” pra todo mundo!

crisweidman_coletivaufc2_evelynrodriguez_95

Foto: Globo.com

[Fique por dentro: Chris ‘All american’ Weidman ainda não conseguiu alavancar seu nome e sua imagem. Ele foi o cara que bateu Anderson Spider Silva e o mundo não o conhece.  No ano passado, 2 meses após a segunda luta contra Spider, um taxista não o reconheceu e falou dos lutadores de forma prejorativa e Weidman explicou através de suas Mídias Sociais: “No meu caminho para o aeroporto hoje, tive uma pequena conversa com o motorista do meu táxi sobre o que ele acha sobre aqueles ‘lutadores de gaiola’ que têm mais testosterona do que cérebro. Então ele me perguntou se eu trabalhava com essa indústria depois que disse que estava indo para as lutas em Dallas. Eu disse que sim. Então ele perguntou se eu era um lutador. Eu disse que sim. Fim da conversa. Não preciso nem dizer que tive um restante de viagem bem silencioso no caminho todo.”  O combate contra Vitor Belfort irá provar se Weidman está pronto para dominar a categoria dos médios ou não.

 

ufc-187Não tem outro título para se  dirigir à edição 187 do UFC!  É só falar sobre o Co-Main Event, que a discussão começa. Quem vencerá entre Weidman e Belfort ? E o Main Event, que trará o novo rei dos Meio-Pesados? O que dizer sobre Daniel Cormier e Anthony Johnson?

Estamos falando de um card que irá colocar dois cinturões em jogo com duas super lutas de tirar o folego. Ok, certo… Jon Jones não está no card porque se envolveu em um acidente de trânsito, não prestou socorro e ainda foi achado um cachimbo de maconha em seu carro. Mas será que foi motivo para Jones perder o cinturão e ser cortado do UFC por tempo indeterminado? Muitos assuntos polêmicos fazem o charme do UFC 187. O importante é que a novela está chegando ao fim e veremos o desfecho de toda a provocação envolvida entre Belfort e Weidman.

Bom… Sábadão está chegando e estarei grudado na televisão para ver o resultado de um dos cards mais esperados do ano. Façam suas apostas, deem seus palpites, fechem a jaula e soltem os leões!

Para finalizar este post e fomentar ainda mais a expectativa do fã do MMA, o UFC divulgou um vídeo que traz os melhores momentos dos lutadores que fazem parte do Main e Co-Main event do UFC 187. Enjoy, baby!

enrolados-a-bandeiras-weidman-e-belfort-se-encaram-pela-primeira-vez

Chris Weidman e Belfort – Foto: Divulgação UFC

Finalmente está chegando a hora. Depois de 1 ano de espera, está próximo o tão aguardado combate entre Chris Weidman e Vitor Belfort no dia 23 de maio.

O duelo entre os dois era pra rolar em maio de 2014. De lá até aqui, as lesões de Weidman e o dopping por parte de Belfort não permitiram o acontecimento da luta.

Este duelo está chegando em excelente hora.. porque, pare para analisar:  Este primeiro semestre para o UFC, tivemos mais polêmicas marcantes do que grandes lutas. Se parar pra pensar, da primeira luta do ano até aqui, assistimos apenas 3 grandes lutas de cinturão: Jones Vs Cormier  no dia 3 de Janeiro,  Ronda Vs Zingano  no dia 28 Fevereiro e Pettis Vs Dos Anjos no dia 14 de março. Claro que tivemos outras lutas de grande repercussão como a volta de Anderson Silva contra o fanfarrão Nick Diaz, mas a polêmica do dopping de Spider foi maior do que o retorno.   Demetrious Johnson também subiu no octógono para defender o título do Peso Mosca contra Kiojy Horiguchi mas o barulho não foi alto quando falamos algo sobre a categoria mais nova do UFC, dominada por um campeão que ainda não alcançou o ápice de fama em sua carreira.

Uma outra situação interessante sobre a luta que envolve Weidman e Belfort é que, caso Belfort ganhe o cinturão dos médios, ele será o único lutador a ser campeão do UFC em 3 categorias (Peso Pesado, Peso Meio Pesado e agora, Meio Médio). Além deste recorde pessoal, o Fenômeno irá contribuir com um título a favor do Brasil, se compararmos com os americanos. Por enquanto os USA está em vantagem com 6 cinturões: Demetrious Johnson no Peso Mosca, T.J Dillashaw no Peso Galo, Robbie Lawler com o título do Meio-Médio, Chris Weidman com o cinturão do Peso Médio, Ronda Rousey com o título do Peso Galo Feminino e Cain Velasques com o cinturão dos Pesos Pesados. O Brasil possui três cinturões na atualidade: José Aldo, que segue dominante no Peso Pena,  Rafael dos Anjos que surpreendeu à todos ao ganhar o cinturão contra Anthony Pettis de uma forma avassaladora e Fabrício Werdum, que conquistou o título interino dos Pesos Pesado enquanto Velasquez estava afastado devido à lesões.

Até o meio do próximo semestre esta vantagem americana sob o Brasil pode diminuir, já que teremos muitas defesas de cinturão americana sob lutadores brasileiros. São elas:

Chris Weidman Vs Vitor Belfort – 23/05;

Cain Velasquez (campeão) Vs Fabrício Werdum (campeão interino) – 13/06;

T.J Dillashaw Vs Renan Barão – A revanche – 25/07;

Ronda Rousey Vs Bethe Correia -01/08.

E que comece o desafio. O primeiro será Weidman e Belfort. Qual é o seu palpite?

Abaixo você confere uma reportagem referente à  luta entre Weidman e Belfort feita pelo Sensei SporTV.

9 de maio foi o dia em que descobrimos quais são os pesos pesados mais duros do mundo do Jiu Jitsu na atualidade. Mais uma vez Felipe Preguiça Penna levou a melhor e ficou com o título da Copa Pódio. Mas não pense que foi de boa pra ele. O campeão quase tropeçou nas quartas quando enfrentou o faixa-marrom  Vitor Honório, que venceu o duelo por 2 vantagens a 1. Mesmo com o resultado negativo, Penna avançou para a semifinal.

Felipe preguiça teve pela frente Tim Spriggs, onde levou a luta com uma raspagem a partir do 50/50.

Na final do GP, o campeão encontrou Victor Honório, que vinha de vitória sobre Serginho. A final foi emocionante e decidida nos últimos segundos. Confira a luta completa da final da Copa Pódio 2015 dos pesos pesados!!!

Primeiros passos no Muay Thai

Publicado: maio 6, 2015 em Treinos
Tags:,

foto

Nesta semana dei os primeiros passos no mundo do Muay Thai. Confesso que deveria ter começado antes. Alias, poderia ter começado a treinar muito antes, já que aprender esta luta era o meu sonho de criança.

Esses dias eu comecei a pensar  qual foi o primeiro contato que eu tive com o Muay Thai e rapidamente percebi que eu já admirava esta luta desde a minha primeira década de vida. Penso que, se você  assistiu “Kickboxer“, grande sucesso de Jean Claude Van Damme, provável que também já tenha desejado  aprender a arte marcial que é capaz de derrubar uma árvore na base da canelada.

O que pude compreender do Muay Thai até aqui, é que “o simples pode ser vantajoso.” Não existe frescura nesta luta! A parada é chegar, aprender combinações e soltar a criatividade com o amplo leque de sequências que podem ser feitas usando socos, soladas, joelhadas e chutes e caneladas. Quanto mais treino, maior o leque de golpes.

Bom. Depois da aprender o básico, resolvi praticar o que havia aprendido. Como no primeiro treino aprendemos a combinação de Jab, direto e jab direto e chute, me preocupei em recapitular exatamente isso. Claro que já achei muitos erros mas aos poucos eu vou aperfeiçoar os movimentos.